sábado, 27 de agosto de 2016

Errante - Um Filme de Encontros em exibição



A partir de quinta-feira, 1º de setembro, a Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) exibe Errante – Um Filme de Encontros, a nova obra de Gustavo SpolidoroO valor do ingresso é R$ 8,00.

Na primeira sessão do filme, 1º de setembro, às 19h, acontece um debate com o diretor. Entrada franca. 

ciclo 3x Whit Stillman segue em exibição até o dia 7 de setembro.


ERRANTE – UM FILME DE ENCONTROS

Errante – Um Filme de Encontros acompanha, de forma espontânea, cinco dias do carnaval de 2011, onde o diretor, trabalhando sozinho, munido de uma câmera, dois microfones e um carro, perambulou por Porto Alegre, interior do RS e Rio de Janeiro, filmando as conexões mentais que os seres/objetos/lugares lhe apresentavam.

Gustavo Spolidoro nasceu e vive em Porto Alegre. É Mestre em Comunicação Social pela PUC/RS, onde também é professor do curso de Cinema há 7 anos. Desde 1998 realizou 17 curtas e médias e 3 longas, tendo recebido mais de 70 prêmios e participado de festivais como Berlim, Rotterdam e Sundance. Dirigiu os longas Ainda Orangotangos (2007), Gigante - como o Inter Conquistou o Mundo (2007) e Morro do Céu (2009). Foi produtor executivo de Cão sem Dono (2007), longa de Beto Brant e Renato Ciasca, co-produzido pela Clube Silêncio, produtora da qual foi sócio de 2004 a 2008. Desde 2003, é também um dos organizadores do festival Cine Esquema Novo.

Errante – Um Filme de Encontros
Direção: Gustavo Spolidoro
(Brasil/2014/70 minutos)

GRADE DE HORÁRIOS
23 de agosto a 7 de setembro de 2016

30 de agosto (terça)
17h – Os Últimos Embalos da Disco
19h – O Futebol

31 de agosto (quarta)
17h – Barcelona
19h – O Futebol

1º de setembro (quinta)
17h – Descobrindo o Amor
19h – Errante – Um Filme de Encontros + debate com Gustavo Spolidoro

2 de setembro (sexta)
17h – Barcelona
19h – Errante – Um Filme de Encontros

3 de setembro (sábado)
15h – Barcelona
17h – Os Últimos Embalos da Disco
19h – Errante – Um Filme de Encontros

4 de setembro (domingo)
15h – Os Últimos Embalos da Disco
17h – Descobrindo o Amor
19h – Errante – Um Filme de Encontros

6 de setembro (terça)
17h – Barcelona
19h – Errante – Um Filme de Encontros

7 de setembro (quarta)
17h – Descobrindo o Amor
19h – Errante – Um Filme de Encontros

sábado, 20 de agosto de 2016

Sessão Plataforma apresenta revelação do cinema egípcio



Na terça-feira, 23 de agosto, às 20h, a Sessão Plataforma exibe na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) o primeiro longa-metragem do realizador egípcio Tamer El SaidNos Últimos Dias da Cidade, que estreou recentemente na Berlinale - Berlin International Film Festival 2016, na seção Berlinale Forum, onde recebeu o Prêmio Caligari. Reprise única no sábado, 27 de agosto, às 17h. O valor do ingresso é R$ 4,00.

O filme narra a história de Khalid, um cineasta de 35 anos se esforça para fazer um filme que capta a alma de Cairo, cidade que vive, enquanto enfrenta uma perda em sua própria vida. Junto com seus amigos, que o enviam filmagens de suas vidas em Beirute, Bagdá e Berlim, ele confronta uma região no limite ao filmar a dificuldade e beleza da vida Nos Últimos Dias da Cidade.

Depois de sua estreia, o filme vem sendo exibido em importantes festivais como New Directors/New Films, Melbourne International Film Festival, IndieLisboa International Film Festival, BAFICI (Prêmio de Melhor Direção), MFF T-Mobile Nowe Horyzonty (Prêmio de Melhor Filme).

Tamer El Said nasceu em 1972. Estudou cinema no High Cinema Institute e jornalismo na Universidade do Cairo. Ele dirigiu diversos documentários e curtas-metragens, tendo recebido diversos prêmios internacionais. Tamer fundou a Zero Production em 2007 para produzir filmes independentes. Ele também foi cofundador da Cimatheque – Centro de Cinema Alternativo no Egito. NOS ÚLTIMOS DIAS DA CIDADE é seu primeiro longa-metragem.

Serviço:
NOS ÚLTIMOS DIAS DA CIDADE (In the Last Days of The City)
dir: Tamer El Said, 118min, EGI/ALE/ING, 2016.
Sessão 23 de agosto (terça) - 20h
Única reprise 27 de agosto (sábado) - 17h
Local: Sala P. F. Gastal
Ingresso: R$ 4,00
Projeção digital
Realização: Tokyo Filmes em parceria com a Coordenação de Cinema e Video da Prefeitura de Porto Alegre.
Apoio especial: Olhar de Cinema - Curitiba Int'l Film Festival


Sessão Plataforma é uma sessão de cinema, realizada desde agosto de 2013 na cidade de Porto Alegre (RS), que exibe filmes recentes e inéditos na cidade, de qualquer nacionalidade, duração e bitola, sem distribuição garantida no Brasil.

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

O Futebol em cartaz




A partir de quinta-feira, 18 de agosto, O Futebol, filme de estreia de Sergio Oksman, entra em cartaz na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar). O filme Fome, de Cristiano Burlan, e a mostra Hellman, Ashby e Cohen: Três homens em conflito, seguem em exibição até o dia 24 de agosto.

O FUTEBOL

Primeiro longa-metragem do diretor Sergio Oksman, “O Futebol”, acompanha o reencontro do próprio diretor com seu pai, Simão, que ele não via há mais de 20 anos. O filme se passa em junho de 2014, quando o diretor deixa a Espanha para acompanhar a Copa do Mundo em sua cidade natal, São Paulo.

A co-produção entre Brasil e Espanha se aproxima da ficção ao narrar o reencontro dos dois, que decidem assistir a todos os jogos da Copa juntos; ao mesmo tempo em que documenta todo o período do mundial no Brasil sob um olhar muito original. O futebol, em si, nunca aparece em cena, mas funciona como cenário das tensões sociais e familiares que O Futebol capta com rigor e delicadeza.

Nas palavras do próprio diretor, “O filme é o resultado de uma tensão, por isso parece difícil definir se trata-se de uma ficção ou documentário. O rigor narrativo corresponde de certa maneira ao cinema ficcional, mas, por sua vez, a vida é incontrolável. As vezes é a realidade que parece querer conduzir a história, e os limites da narrativa ficcional é que a desmontam. (…) O futebol é quase uma metáfora da nossa metodologia: um jogo de regras claras mas que também depende da sorte. Um retângulo verde, com limite de tempo definido, normas estritas, e duas equipes. Não era esse o filme que queríamos fazer?”

O Futebol
2015 | Brasil| Documentário | 70 min
Direção: Sérgio Oksman

Sinopse: Sergio e seu pai, Simão, não se viram ao longo de 20 anos. A realização da Copa de 2014 no Brasil fornece ao filho, que mora na Espanha, um pretexto para conviver algum tempo com o pai, retomando seu antigo hábito de assistirem a jogos juntos, mantido quando o filho era garoto. Esta viagem poderá trazer, mais do que reconciliação, uma exploração em território desconhecido


GRADE DE HORÁRIOS
16 a 24 de agosto de 2016


16 de agosto (terça)
15h – A Vingança de um Pistoleiro
17h – Muito Além do Jardim
19h30 – Fome

17 de agosto (quarta)
15h – Guerrilheiros do Pacífico
17h – Esta Terra é Minha
19h30 – Fome

18 de agosto (quinta)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – Q – A Serpente Alada

19 de agosto (sexta)
15h – Fome
17h – O Futebol
20h – Projeto Raros (Efeitos Especiais, de Larry Cohen)

20 de agosto (sábado)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – Muito Além do Jardim

21 de agosto (domingo)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – A Vingança de um Pistoleiro

23 de agosto (terça)
15h – Fome
17h – O Futebol
20h – Sessão Plataforma (Nos últimos dias da cidade, de Tamer El Said)

24 de agosto (quarta)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – Disparo Para Matar

25 de agosto (quinta)
17h – Barcelona
19h – O Futebol

26 de agosto (sexta)
17h – Os Últimos Embalos da Disco
19h – O Futebol

27 de agosto (sábado)
17h – Sessão Plataforma (Nos últimos dias da cidade, de Tamer El Said)
19h – O Futebol

28 de agosto (domingo)
17h – Descobrindo o Amor
19h – O Futebol

30 de agosto (terça)
17h – Os Últimos Embalos da Disco
19h – O Futebol

31 de agosto (quarta)
17h – Barcelona

19h – O Futebol


domingo, 14 de agosto de 2016

3x Whit Stillman




A partir de quinta-feira, 25 de agosto, a Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) apresenta o ciclo 3x Whit Stillman, com três filmes de um dos principais diretores do cinema independente americano. A mostra tem projeção digital, apoio da distribuidora MPLC e da locadora E o Vídeo Levou. O valor do ingresso é R$ 4,00.

O Futebol, documentário de Sergio Oksman, segue em exibição até 31 de agosto. O valor do ingresso é R$ 8,00.

WHIT STILLMAN

Argumentista e realizador americano, Whit Stillman formou-se na Universidade de Harvard em 1973, trabalhou como jornalista em Nova Iorque e em 1980 mudou-se para a Barcelona, onde conheceu alguns produtores espanhóis. Financiou o seu primeiro filme Metropolitan (1990) com a venda do próprio apartamento. Seguiram-se Barcelona (1994) inspirado nas suas experiências na Espanha durante o início dos anos 1980 e Os Últimos Embalos da Disco (1998), também baseado nas suas viagens e experiências nas várias casas noturnas de Manhattan e, possivelmente, no Studio 54. Profundamente calcados na palavra, os três filmes formam, em definição do próprio diretor, uma trilogia sobre “as línguas ácidas e os corações partidos” da juventude nova-iorquina dos anos 1980. Depois de treze anos sem filmar, Stillman lançou Descobrindo o Amor (2011), um musical de humor inusitado, inspirado no cinema americano realizado durante o Código Hays. Em 2016, retomando a dupla protagonista de Os Últimos Embalos da Disco, Kate Beckinsale e Chloë Sevigny, lançou Amor & Amizade, adaptação extremamente pessoal do romance epistolar de Jane Austen, Lady Susan.

GRADE DE PROGRAMAÇÃO

Barcelona
(Barcelona, 1994, 100 minutos)
Dois primos americanos - um executivo, o outro oficial da Marinha - mostram grandes divergências quanto às suas opiniões e estilos de vida, especialmente nas relações com as mulheres. Mesmo assim, passam temporada juntos em Barcelona, aprendendo a conviver e somando aventuras amorosas. Exibição em DVD.







Os Últimos Embalos da Disco
(The Last Days of Disco, 1998, 113 minutos)
Nova York, início dos anos 80. A era disco está chegando ao fim. Em uma das mais badaladas discotecas da cidade, um grupo de jovens se encontra, dança e se diverte. Charlotte Pingress (Kate Beckinsale) e Alice Kinnon (Chloë Sevigny) são recém-formadas e trabalham em uma editora. À noite, procuram novos amores nas pistas de dança. Exibição digital.






Descobrindo o Amor
(Damsels in Distress, 2011, 99 minutos)
Uma comédia sobre um trio de belas garotas – a dinâmica líder, Violet Wister (Greta Gerwig); a de bons princípios, Rose (Megalyn Echikunwoke) e a sexy Heather (Carrie MacLemore) - e como elas revolucionaram a vida em uma Universidade “grungy” americana. Elas dão as boas vindas à estudante Lily (Analeigh Tipton) em seu grupo, que procura ajudar alunos deprimidos com um programa de boa higiene e números musicais de dança. As garotas se envolvem romanticamente com uma série de homens – incluindo o tranquilo Charlie (Adam Brody); o atraente Xavier (Hugo Becker); e com os “machões” Frank (Ryan Metcalf) e Thor (Billy Magnussen) - que ameaçam a amizade e a sanidade delas. Exibição em DVD.



GRADE DE HORÁRIOS
PRIMEIRA SEMANA
25 a 31 de agosto de 2016

25 de agosto (quinta)
17h – Barcelona
19h – O Futebol

26 de agosto (sexta)
17h – Os Últimos Embalos da Disco
19h – O Futebol

27 de agosto (sábado)
17h – Sessão Plataforma (Nos últimos dias da cidade, de Tamer El Said)
19h – O Futebol

28 de agosto (domingo)
17h – Descobrindo o Amor
19h – O Futebol

30 de agosto (terça)
17h – Os Últimos Embalos da Disco
19h – O Futebol

31 de agosto (quarta)
17h – Barcelona

19h – O Futebol

sábado, 13 de agosto de 2016

Efeitos Especiais de Larry Cohen no Projeto Raros




Na sexta-feira, 19 de agosto, às 20h, o Projeto Raros apresenta o filme Efeitos Especiais (Special Effects, 1984, 106 minutos), dirigido por Larry Cohen, na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar). A exibição faz parte da mostra Hellman, Ashby e Cohen: Três homens em conflito. Com projeção digital e legendas em espanhol, a sessão tem entrada franca.  

Sinopse – um diretor de cinema megalomaníaco mata uma jovem aspirante a atriz, interpretada por Zoe Lund, rosto conhecido dos filmes oitentistas de Abel Ferrara. Em seguida, usa o marido dela como o bode expiatório e tenta encontrar uma sósia para desempenhar o papel da falecida.

Revisão assumida de Um Corpo Que Cai, Efeitos Especiais foi escrito no final dos anos 1960 por Larry Cohen, que desejava a direção do próprio Alfred Hitchcock. Cohen só realizou o filme em 1984, de forma totalmente independente, com uma equipe pequena e cenas filmadas na própria casa.

Assim como Inocência Fatal, outro filme independente rodado ao mesmo tempo, Efeitos Especiais teve um lançamento diminuto e terminou distribuído diretamente em vídeo.  Ignorados durante muito tempo até por admiradores da obra de Larry Cohen, os dois filmes ganharam revisões nas últimas décadas e hoje são tidos como momentos essenciais de sua filmografia. 

.
PROJETO RAROS
19/08 – 20h
EFEITOS ESPECIAIS
Direção: Larry Cohen
(Special Effects, 1984, 104 minutos)
Elenco: Zoë Lund, Eric Bogosian, Brad Rijn, Kevin O'Connor, H. Richard Greene





segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Hellman, Ashby e Cohen: Três Homens em Conflito



A partir de dois de agosto, a Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) exibe a mostra Hellman, Ashby e Cohen: Três homens em conflito, com uma seleção de quinze filmes de Monte Hellman, Hal Ashby e Larry Cohen, três cineastas que construíram trajetórias singulares e solitárias dentro do cinema moderno americano. Entre filmes de referência e raridades, o ciclo apresenta obras realizadas entre 1964 e 1984, passeando por diversos gêneros como o faroeste, o blaxploitation, o terror, o road movie, o filme de guerra e o musical. Com exibição digital, a mostra é uma parceria da CCVF com as distribuidoras MPLC, Versátil Filmes e com a locadora E O Vídeo Levou

MONTE HELLMAN

Um dos discípulos de Roger Corman, Monte Hellman iniciou sua trajetória nos anos 1960 em filmes encomendados pelo produtor. Profundamente abalado pelo assassinato de John Kennedy, realizou dois faroestes pessoais em 1966, A Vingança de um Pistoleiro e Disparo Para Matar. Pouco vistos nos Estados Unidos, os filmes tornaram-se cultuados na França, percebidos como raros westerns próximos das rupturas dos novos cinemas dos anos 1960. No início da década de 1970, realizou sua obra-prima Corrida Sem Fim, um road movie niilista que retrata um país sem rumo. Seu filme seguinte, Galo de Briga, acabou censurado em vários países por causa das cenas realistas das brigas de galo. O cinema de Hellman seguiu, ao longo das décadas, sempre à margem de Hollywood. 

HAL ASHBY

Hal Ashby iniciou sua trajetória no cinema montando os filmes de Norman Jewison. Ganhou um Oscar pelo trabalho em No Calor da Noite, de 1967. Entre um humor peculiar e o retrato melancólico de personagens atípicos, Ashby realizou uma série de grandes filmes na década de 1970, como Ensina-me a Viver, A Última Missão e Muito Além do Jardim. Em Amargo Regresso, um dos primeiros filmes hollywoodianos a colocar em cena o orgasmo da mulher, o diretor retrata o impacto da guerra no retorno a casa. Também realizou uma elogiada biografia do músico Woody Guthrie, Esta Terra é Minha. O vício em drogas pesadas e o gosto pela reclusão acabou abreviando a trajetória de Ashby, apesar do êxito de público e crítica de vários filmes nos anos 1970.  

LARRY COHEN

O nova-iorquino Larry Cohen iniciou sua trajetória na televisão. A partir dos anos 1970, começou a realizar filmes de baixo orçamento marcados pela originalidade em relação aos universos visitados, como a febre blaxploitation (O Chefão do Gueto), o terror b (Nasce um Monstro e Q – A Serpente Alada). Desconcertante encontro entre filme policial, ficção-científica e drama religioso, Foi Deus Quem Mandou talvez seja o filme que melhor resume o cinema independente de Cohen. Na década de 1980, realizou Efeitos Especiais, uma inteligente e visceral retomada de Um Corpo que Cai, clássico de Hitchcock, dentro do contexto do cinema pornográfico.  O filme será exibido numa edição especial do Projeto Raros durante o mês de agosto.

GRADE DE PROGRAMAÇÃO

MONTE HELLMAN

Guerrilheiros do Pacífico
(Back Door to Hell, 1964, 75 minutos)
Elenco: Annabelle Huggins, Conrad Maga, Jack Nicholson

Durante a Segunda Guerra Mundial, uma equipe de comando de três soldados americanos deposita a sua confiança nas mãos de um bando de dissidentes filipinos, enquanto eles tentam destruir um centro de comunicação japonês. Exibição digital.

A Vingança de um Pistoleiro
(Ride in the Whirlwind, 1966, 82 minutos)
Elenco: Harry Dean Stanton, Jack Nicholson, Millie Perkins

Três amigos - Wes, Vern e Otis - são injustamente acusados por um crime que não cometeram (o assalto a uma diligência) e perseguidos por um grupo de justiceiros. Eles se refugiam numa cabana onde, por coincidência, também estão escondidos os verdadeiros criminosos procurados. Exibição em HD.

Disparo Para Matar
(The Shooting, 1966, 80 minutos)
Elenco: Jack Nicholson, Millie Perkins, Warren Oates
Moça misteriosa contrata um caçador de recompensas aposentado para ajudá-la a seguir a trilha de uma pessoa, por motivos desconhecidos. No meio do caminho, um pistoleiro sinistro junta-se a eles. Exibição em HD.



Corrida Sem Fim
(Two-Lane Blacktop, 1971, 102 minutos)
Elenco: James Taylor, Warren Oates e Laurie Bird.
Os personagens Piloto e Mecânico viajam pelas estradas americanas em um Chevy 55 à procura de competições de corrida. Assim como “Sem Destino”, “Corrida sem Fim” é um icônico road movie que revela uma outra face da América. Exibição em DVD.

Galo de Briga
(Cockfighter, 1974, 83 minutos)
Elenco: Harry Dean Stanton, Warren Oates, Richard B. Shull

Warren Oates interpreta Frank Mansfield, um instrutor de briga de galos que se recusa a falar até que conquiste um importante campeonato. Para isso, ele não alivia em seus métodos e nem em seu estilo de vida, o que o leva a arrumar confusões e a se meter em enrascadas tanto com seus amigos quanto com as mulheres. Exibição em DVD.

HAL ASHBY

Ensina-me a Viver
(Harold and Maude, 1971, 95 minutos)
Bud Cort, Ruth Gordon, Tom Skerritt, Charles Tyner

Maude é uma senhora que possui toda a bagagem de vida nas costas. Além disso, ela tem uma disposição para certas façanhas na vida. Seu principal feito agora é se preocupar em estabelecer forte relação com o garoto Harold - de apenas 20 anos – e resgatá-lo para a vida. Exibição em DVD.

A Última Missão
(The Last Detail, 1973,  113 minutos)
Elenco: Jack Nicholson, Randy Quaid, Carol Kane, Michael Moriarty

Dois oficiais encrenqueiros de baixa patente, Buddusky (Nicholson) e Mulhal (Otis Young), são designados para levar um jovem marinheiro, Meadows (Randy Quaid), da base naval da Virgínia à prisão naval de New Hampshire para cumprir uma sentença de oito anos por causa de um erro banal. Buddusky e Mulhal se apegam a Meadows e estão determinados a mostrar-lhe algumas boas coisas da vida em sua jornada ao norte. Exibição em DVD.

Esta Terra é Minha
(This Land is Mine, 1976, 141 minutos)
Elenco: David Carradine, Alexandra Mock, Elizabeth Macey.

Biografia de Woody Guthrie, cantor country durante os anos da Grande Depressão americana. Assim como muitos músicos e trabalhadores da época, Woody largou sua terra natal para tentar uma vida melhor, apesar das adversidades vividas por esse grupo da sociedade por todo o país. Exibição digital.

Amargo Regresso
(Coming Home, 1978, 127 minutos)
Elenco: Jon Voight, Bruce Dern, Jane Fonda, Penelope Milford

Em 1968, Bob Hyde, um oficial da Marinha americana, embarca para o Vietnã. Sally, sua esposa, vai trabalhar em um hospital de veteranos e lá se apaixona por Luke Martin, um sargento que ficou paraplégico na guerra. Quando Bob volta aos Estados Unidos, os três precisarão lidar com o impacto de uma guerra brutal e distante que mudou suas vidas para sempre.

Muito Além do Jardim
(Being There, 1979, 130 minutos)
Elenco: Peter Sellers, Shirley MacLaine, Melvyn Douglas, Jack Warden

Jardineiro que nunca havia saído da mansão, com a morte do patrão tem que enfrentar o mundo lá fora. Seu ar silencioso e suas poucas frases sobre jardinagem são tomados por sabedoria e ele se torna famoso. Baseado no romance 'O Vidiota' de Jerzy Kosinski. Oscar de melhor ator coadjuvante para Melvyn Douglas. Exibição em DVD.

LARRY COHEN

O Chefão do Gueto
(The Black Caesar, 1971, 94 minutos)
Elenco: Fred Williamson, Gloria Hendry, Art Lund

Tommy Gibbs cresceu no subúrbio de Manhattan, berço da criminalidade de NYC nos anos 60. Período tenso, aonde os espetáculos da corrupção chegavam até os mais altos escalões da polícia, e a chacina desvairada contra a comunidade negra era rotina. Gibbs tornou-se adulto, e transformou-se num respeitado e temido chefe do crime. Enfrentou a máfia italiana e desafiou as autoridades sem medo. Exibição em DVD.


Nasce um Monstro
(It’s Alive, 1974, 91 minutos)
Elenco: John P. Ryan, Sharon Farrell, James Dixon.

Um bebê mutante nasce com um apetite voraz e canibal. Ao fugir do hospital, coloca em pânico uma pequena cidade americana. Lendário filme B da Nova Hollywood, esse tour de force de Larry Cohen tem trilha de Bernard Herrmann. Exibição em DVD.

Foi Deus Quem Mandou
(God Told Me To, 1976, 90 minutos)
Elenco: Tony Lo Bianco, Richard Lynch

Tony Lo Bianco interpreta o perfeito anti-herói existencialista: um policial de Nova Iorque, católico enrustido, dividido entre a esposa e a amante. Suas investigações em torno de uma bizarra série de assassinatos levam-no direto a mais estranha das pistas: ninguém menos do que Jesus Cristo estaria induzindo cidadãos inocentes a cometerem os mais cruéis atos de violência. Exibição em DVD.

Q – A Serpente Alada
(Q, 1982, 85 minutos)
Elenco: David Carradine, Michael Moriarty, Candy Clark, Richard Roundtree

Mortes estranhas começam a ocorrer na cidade de Nova York, limpadores de janelas de edifícios aparecem sem cabeça, pessoas têm a pele arrancada, sangue começa cair do céu com pedaços de pessoas. O policial Shepard esta confuso, mas continua procurando uma explicação. Alguns especialistas acham que podem ser sacrifícios feitos por alguma seita. Exibição em HD.

Efeitos Especiais
(Special Effects, 1984, 106 minutos)
Elenco: Zoë Lund, Eric Bogosian, Brad Rijn

Eric Bogosian interpreta o cineasta decadente que assassina sua atriz sem talento diante das câmeras e depois procura uma sósia para construir um filme em torno do material. Esta homenagem de Cohen a "Um Corpo que Cai" é um dos mais impressionantes mergulhos no artifício de todo o cinema. Exibição digital com legenda em espanhol no Projeto Raros, dia 19 de agosto.


GRADE DE HORÁRIOS


2 de agosto (terça)
15h – Mostre a Língua, Moça
17h – Ensina-me a Viver
19h – Corrida Sem Fim

3 de agosto (quarta)
15h – Mostre a Língua, Moça
17h – O Chefão do Gueto
19h – Amargo Regresso

4 de agosto (quinta)
15h – Mostre a Língua, Moça
17h – A Vingança de um Pistoleiro
19h – Nasce um Monstro

5 de agosto (sexta)
15h – Mostre a Língua, Moça
17h – Esta Terra é Minha
20h – Projeto Raros – O Intruso, de Roger Corman

6 de agosto (sábado)
15h – Mostre a Língua, Moça
17h – Disparo Para Matar
19h – Foi Deus Quem Mandou

7 de agosto (domingo)
15h – Mostre a Língua, Moça
17h – A Última Missão
19h – Galo de Briga

9 de agosto (terça)
15h – Mostre a Língua Moça
17h – Guerrilheiros do Pacífico
19h – Muito Além do Jardim

10 de agosto (quarta)
15h – Mostre a Língua Moça
17h – Q – A Serpente Alada
19h – Esta Terra é Minha


11 de agosto (quinta)
15h – Foi Deus Quem Mandou
17h – A Última Missão
19h30 – Fome

12 de agosto (sexta)
15h – Disparo Para Matar
17h – Nasce um Monstro
19h30 – Fome

13 de agosto (sábado)
15h – Ensina-me a Viver
17h – Corrida Sem Fim
19h30 – Fome

14 de agosto (domingo)
15h – Q – A Serpente Alada
17h – Amargo Regresso
19h30 – Fome

16 de agosto (terça)
15h – A Vingança de um Pistoleiro
17h – Muito Além do Jardim
19h30 – Fome

17 de agosto (quarta)
15h – Guerrilheiros do Pacífico
17h – Esta Terra é Minha
19h30 – Fome


18 de agosto (quinta)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – Q – A Serpente Alada

19 de agosto (sexta)
15h – Fome
17h – O Futebol
20h – Projeto Raros (Efeitos Especiais, de Larry Cohen)

20 de agosto (sábado)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – Muito Além do Jardim

21 de agosto (domingo)
15h – Fome
17h – O Futebol
19h – A Vingança de um Pistoleiro

23 de agosto (terça)
15h – Fome
17h – O Futebol
20h – Sessão Plataforma (Nos últimos dias da cidade, de Tamer El Said)

24 de agosto (quarta)
15h – Fome
17h – O Futebol

19h – Disparo Para Matar